Arquivo Adnews

O papel do homem à luz da Bíblia

Deus definiu muito bem as características e as funções do homem e da mulher na obra da criação, mostrando, através das diferenças estabelecidas, a harmonia da vida humana por Ele criada (Sl 128.1-6).

O homem assumiu o papel predominante do governo, da liderança, da provisão e da proteção. Essa função delegada por Deus ao sexo masculino é uma regra para as relações humanas, ainda que, por motivos justificáveis, possa ser alterada, dependendo das necessidades de uma família. São as exceções à regra, como em caso de morte, divórcio, enfermidades, etc. Essa definição das funções masculinas em nada denota discriminação, preconceito, ou outros conceitos equivocados desta sociedade moderna, é somente a organização divina para a convivência dos seres humanos. A mulher assumiu outros papéis relevantes, como a gestação, o gerenciamento do lar, o desenvolvimento emocional dos filhos, o equilíbrio da casa, entre outros (Pv 31.11-31).

Nesta sociedade pseudomoderna em que vivemos, existem muitas contestações à esta configuração divina para as famílias. Entretanto, para dirimir as dúvidas que surgem quanto ao que fazer, ou como proceder, temos um manual claro e precioso, que nos instrui rumo ao projeto de Deus para cada família: a Bíblia Sagrada. É ela quem pode nos guiar em relação a este tema e definir bem as funções do homem diante de Deus e da sociedade.

Entre os propósitos divinos para o homem, está a função da LIDERANÇA. Deus designou o homem como o condutor espiritual, moral e social da casa. É do homem a responsabilidade de estabelecer as metas, zelar pela reputação, a formação do caráter e a conduta íntegra dos membros da família.

Outra finalidade da criação do homem é o seu papel PROVEDOR. Ele é o principal responsável em atender as necessidades básicas da família. O marido precisa ser um supridor da sua casa, desenvolvendo estratégias para suprir cada necessidade de seus filhos e esposa, gerir as questões financeiras da casa, como comprar, vender, aplicar, reduzir custos e coisas deste tipo.

Deus também delegou ao homem a responsabilidade da PROTEÇÃO. O principal papel do marido é ser um homem de Deus e cheio do Espírito Santo para inspirar sua família a servir e honrar a Deus. Ele deve atender espiritualmente as necessidades dos membros da família, ser o cabeça espiritual da casa e assumir o seu papel de sacerdote do lar.

Quando entendemos os propósitos e as normas estabelecidas por Deus, podemos exercer melhor nossas funções e alcançar melhores resultados, como fruto da nossa observância à Palavra de Deus.

Ev. Josiel Soares

______________________

* Publicado originalmente no Adnews 46 (Janeiro/2016)