“Existem coisas que Deus só vai fazer se eu e você orarmos”

Durante a noite desta quinta-feira (31), foi a abertura do 17º Congresso de Mulheres, no Templo Central da Igreja Evangelica Assembleia de Deus, localizada na Av. Cruz Cabugá, em Santo Amaro, Recife. No final da tarde, várias irmãs e caravanas já estavam na nave do templo. O culto introdutório começou por volta das 17h30, sob a direção das irmãs Silvânia Alves e Valdívia, a segunda da filial em Moreno. Os presentes já estavam avivados sendo alimentados através das mensagens, hinos e testemunhos.

Após os hinos congregacionais, alguns corais escalados também receberam oportunidade para louvar, entre eles o Coral de Mulheres do Setor-01, Cabo de Santo Agostinho e um Coral de Mulheres de Jaboatão Velho, Setor-10. O primeiro hino cantado pela cantora Eliã Oliveira foi: “No Tempo Dele” e depois ela solou o hino “Te adorarei”, com o Grande Coral de Mulheres que irá formar em todos os dias do congresso. O Quarteto Gênesis também louvou: “Confia no Senhor e ora, de joelhos e a face no chão. Constante o seu tema seja: Buscar a Deus em oração. Desperta a madrugada e clama, pelo óleo da unção de Deus. Que breve tu verás descer, vitória que vem lá do céu”.

O Pastor Presidente Ailton José Alves realizou a leitura da Palavra: “Paulo, apóstolo de Cristo Jesus pela vontade de Deus, segundo a promessa da vida que está em Cristo Jesus, a Timóteo, meu amado filho: Graça, misericórdia e paz da parte de Deus Pai e de Cristo Jesus, nosso Senhor. Dou graças a Deus, a quem sirvo com a consciência limpa, como o serviram os meus antepassados, ao lembrar-me constantemente de você, noite e dia, em minhas orações. Lembro-me das suas lágrimas e desejo muito vê-lo, para que a minha alegria seja completa.  Recordo-me da sua fé não fingida, que primeiro habitou em sua avó Loide e em sua mãe, Eunice, e estou convencido de que também habita em você.” (2 Timóteo. 1-5).

O tema do culto de abertura foi: “Vivendo uma vida de fé em tempo de incredulidade”. O preletor escalado para ministrar a Palavra foi o Ev. André Alencar. A mensagem foi baseada em Marcos 7. 24-30: “E, levantando-se dali, foi para os termos de Tiro e de Sidom. E, entrando numa casa, não queria que alguém o soubesse, mas não pôde esconder-se; Porque uma mulher, cuja filha tinha um espírito imundo, ouvindo falar dele, foi e lançou-se aos seus pés. E esta mulher era grega, siro-fenícia de nação, e rogava-lhe que expulsasse de sua filha o demônio. Mas Jesus disse-lhe: Deixa primeiro saciar os filhos; porque não convém tomar o pão dos filhos e lançá-lo aos cachorrinhos. Ela, porém, respondeu, e disse-lhe: Sim, Senhor; mas também os cachorrinhos comem, debaixo da mesa, as migalhas dos filhos. Então ele disse-lhe: Por essa palavra, vai; o demônio já saiu de tua filha. E, indo ela para sua casa, achou a filha deitada sobre a cama, e que o demônio já tinha saído”.

“Tem coisas que já estão determinadas. Mas existem coisas que Deus só vai fazer se eu e você orarmos, tem coisas que Deus só vai fazer se eu e você nós movermos”. O ministro citou como exemplo a “Oração do Pai Nosso” e explicou que naquele texto Jesus estava nos ensinando que a vontade é de Deus, mas ainda assim precisamos orar para que Ele a faça: ‘seja feita a tua vontade tanto na terra como no céu’”, enfatizou.

O evangelista também ministrou sobre a justiça de Deus, baseado em Ezequiel capítulo 22, dizendo que o quadro de Jerusalém estavam extremamente caótico. No contexto religioso, os sacerdotes haviam transgredido a Lei, os profetas falavam coisas que Deus não havia os orientado a falar, entre outras coisas.  Então ele relembrou que Deus é justo e como Ele é justo, não pode deixar o culpado como o inocente, mas destacou que antes do Senhor excercer o Juízo Ele buscou um homem que estivesse tapando o muro, que estivesse na brecha entre Deus e o povo, para não destruir aquela terra, concluiu.

Então o Ministro transmitiu uma mensagem de ânimo: “Se você desistir, Jesus continua sendo Jesus e Deus continua sendo Deus. Mas hoje Deus está aqui dizendo ‘não desiste não, querida’ […] E quando as circunstâncias adversas tentarem te afastar do Senhor, é nesse momento que você tem que chegar mais perto dEle, ouvir direto da boca dele”, finalizou. Após a Palavra o Grande Coral de Mulheres louvou o último hino da noite. Ao término do culto, o livro devocional 55 Reflexões Para a Alma, da Irmã Judite Alves, esposa do Pastor Presidente Ailton José Alves, foi lançado. O livro é um devocional que visa encorajar espiritualmente que o lê, ele pode ser adquirido na Bereia Bookstore.

 

A programação do Congresso continua na manhã da sexta-feira, com o culto devocional às 8h. Já o estudo do período da tarde começa às 14h, o culto devocional às 17h30 e o culto da noite às 19h. A Rede Brasil de Comunicação está transmitindo os cultos através do Canal 14, além do canal IEADPEOFICIAL, no Youtube e Facebook.

 

 

Petrolina recebe Celebração do Centenário

A cidade de Petrolina, no sertão do São Francisco, a 713 km do Recife, recebeu a primeira Celebração do Centenário, na noite deste sábado (10) de março, que abre a agenda de programação das festividades dos 100 anos de fundação da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco (IEADPE), sob a Presidência do Pastor Ailton José Alves. Culto foi realizado no Pátio de Eventos Ana das Carrancas, às margens da Rodovia BR-235, zona oeste do município.

A abertura dos portões ocorreu às 14h, e logo às 17h, começou o pré-culto com participação de diversos cantores locais e depoimentos em agradecimento pela obra de Deus naquela região do estado. Oficialmente às 18h45, teve início a Celebração do Centenário conduzida pelo Pastor Presidente Ailton José Alves. Vários pastores, obreiros e membros da diretoria da igreja, autoridades políticas e o prefeito da cidade, prestigiaram o evento.

No local da festa, foi projetado um mega palco com uma estrutura de 20×18 metros, três telões e um grande painel de LED. Uma multidão ocupou as cadeiras espalhadas no pátio para assistir a programação e ouvir relatos do início dos trabalhos da IEADPE . Muitos vieram de outras regiões do estado, e diversas caravanas das cidades de Cabrobó, Santa Maria da Boa Vista, Belém de São Francisco, Dormentes, Projeto Fulgêncio e Afrânio, estavam presentes na celebração.

O evento marcado por adoração e testemunhos para glorificar o nome de Jesus e celebrar um século da IEADPE em solo pernambucano, contou com a participação de cantores e grupos como: Eliã Oliveira, Théo Santos, irmão Wanberto (Caruaru), Ricardo Rodrigues, Cantora Talita (Petrolina), Grupo Eletrônico e Vocal da matriz do município, além da participação de dois grandes corais: um de jovem com 1.500 vozes e outro de igual número composto por mulheres.

O vídeo da Abertura do Centenário, que conta um breve relato da história da igreja foi exibido, emocionando o público. Em seguida, o Pastor Ailton lembrou que a Assembleia de Deus foi a pioneira na manifestação espiritual no país; falou dos tempos espinhosos e que mesmo diante da perseguição, Jesus continuou curando, salvando, batizando e que nesses cem anos, a chama continua acesa, e continuará acesa até que Jesus venha buscar sua igreja. Após, a cantora Eliã Oliveira, bradou com toda a igreja de forma uníssona, o hino oficial do centenário da Assembleia de Deus em Pernambuco, “Cem anos de história, Cem anos de vitória”.

O Pr. Jonatas Lins, da filial da IEADPE em Sirinhaém, foi o preletor do culto. Ele ministrou uma palavra evangelística, contextualizando a igreja de Atos dos Apóstolos e a atual. Na qual, a igreja crescia e se multiplicava mesmo em meio a uma intensa perseguição. “A igreja de Atos foi a que a chama do pentecoste foi acesa. E em 1918, chegou em Pernambuco. E o construtor desta igreja disse que as portas do inferno, jamais prevalecerão contra ela”, concluiu.

A Celebração do Centenário foi um grande culto pentecostal, cheio de significado pela expansão do evangelho da chegada da chama pentecostal e forte atuação do Espírito Santo, confirmando a obra evangelística através da IEADPE. Uma instituição preocupada em propagar a missão deixada por Jesus Cristo de pregar o evangelho a toda criatura. E com certeza esta celebração servirá para mostrar a vitória do evangelho de Cristo em Pernambuco. Ao final,  215 vidas aceitaram a Jesus como seu salvador.

De acordo com o Pr. Waldemir Farias, da filial em Petrolina, o evento mobilizou mais de mil voluntários, 120 ônibus para trazer os irmãos e mais 13 das filiais e considerou o mesmo, como um evento não só da capital, mas de todas as filias do estado. “Os irmãos daqui, estão muito representados naquela frase: eu faço parte desta história. E isso resume o sentimento do povo de Petrolina e do sertão”, completou.

De acordo com a organização do evento mais de 30 mil pessoas participaram da cerimônia. A Rede Brasil de Comunicação realizou a transmissão de todo o evento, e muitos puderam verificar através das rádios da emissora, pela TV e Redes Sociais (@ieadpeoficial).

Diante da grandiosidade do evento, foram montados postos de saúde e ambulâncias equipadas com UTI. Contou com um forte esquema de segurança das equipes do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal e apoio da prefeitura do município.

Entre os sete polos regionais, que sediarão a Celebração do Centenário, Petrolina foi a primeira cidade a receber o evento. Dia 31 deste mês, acontece no município de Goiana, Zona da Mata Norte do estado.

IEADPE realiza 9ª edição de cantata natalina no quartel do Derby

Como todos dos anos, no dia 25 de dezembro, dia de Natal, a Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco (IEADPE) realizou no quartel do Derby, mais uma cantata natalina.

Com o tema: “Para Sempre Deus conosco”, esta foi a 9ª edição do evento e reuniu 250 coristas e 130 músicos em uma belíssima apresentação de louvor e adoração ao Senhor.

Às 19h, o Pastor Presidente, Ailton José Alves, deu início ao culto com uma oração. Logo após, convidou o 1º Secretário, Pastor Luiz Mário para cantar os hinos congregacionais. A leitura da Palavra também foi feita pelo Pastor Presidente e a ministração foi realizada pelo Ev. Marcelo Teles, que baseou sua pregação no Livro de Lucas cap. 2, dos versículos 8 ao 11. O pregador enfatizou o que o nascimento de Jesus representa a salvação para toda a humanidade.

Após a reflexão, os mais de 380 músicos iniciaram a Cantata “Para Sempre Deus conosco”. Em quase uma hora de duração, um repertório composto por 10 músicas, incluindo a clássica “Aleluia”, de Handel, e solos vibrantes, a apresentação emocionou as mais de 15 mil pessoas que lotaram o campo em frente ao quartel do Derby.

 

Diversas autoridades também estiveram prestigiando o evento. Entre elas, o governador do Estado, Paulo Câmara e o comandante Geral da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), Vanildo Maranhão.

O evento foi transmitido ao vivo pela Rede Brasil de Comunicação, através da TV, Rádio e Redes Sociais.

 

 

 

IEADPE realiza 9ª edição de cantata natalina no quartel do Derby

IEADPE realiza 9ª edição de cantata natalina no quartel do Derby

Como todos dos anos, no dia 25 de dezembro, dia de Natal, a Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco (IEADPE) realizou no quartel do Derby, mais uma cantata natalina.

Com o tema: “Para Sempre Deus conosco”, esta foi a 9ª edição do evento e reuniu 250 coristas e 130 músicos em uma belíssima apresentação de louvor e adoração ao Senhor.

Às 19h, o Pastor Presidente, Ailton José Alves, deu início ao culto com uma oração. Logo após, convidou o 1º Secretário, Pastor Luiz Mário para cantar os hinos congregacionais. A leitura da Palavra também foi feita pelo Pastor Presidente e a ministração foi realizada pelo Ev. Marcelo Teles, que baseou sua pregação no Livro de Lucas cap. 2, dos versículos 8 ao 11. O pregador enfatizou o que o nascimento de Jesus representa a salvação para toda a humanidade.

Após a reflexão, os mais de 380 músicos iniciaram a Cantata “Para Sempre Deus conosco”. Em quase uma hora de duração, um repertório composto por 10 músicas, incluindo a clássica “Aleluia”, de Handel, e solos vibrantes, a apresentação emocionou as mais de 15 mil pessoas que lotaram o campo em frente ao quartel do Derby.

Diversas autoridades também estiveram prestigiando o evento. Entre elas, o governador do Estado, Paulo Câmara e o comandante Geral da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE), Vanildo Maranhão.

O evento foi transmitido ao vivo pela Rede Brasil de Comunicação, através da TV, Rádio e Redes Sociais.

Mensagem do arrebatamento marca o fim do Jubileu de Diamante da EBO

A Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco (IEADPE), sob a presidência do Pastor Ailton José Alves, realizou de 16 a 24 de outubro o Jubileu de Diamante da maior Escola Bíblica de Obreiros do Estado. Evento que acontece há 60 anos, sob a direção divina reunindo dezenas de obreiros da capital, interior e do exterior. Além dos missionários das filiais da missão em 5 países e autoridades de Pernambuco.

 

Foram nove dias de estudos bíblicos baseados no tema desta edição: “Preservando a sã doutrina na igreja”, ministrados por pastores conferencistas em dois turnos, manhã e tarde, e a noite, culto festivo com participação de mais de 10 mil pessoas presentes em média, e milhares acompanhando a transmissão pela Rede Brasil de Comunicação TV, rádios AM/FM e internet.

Durante esta edição, também foi celebrado o aniversário dos 19 anos do pastor Ailton José Alves a frente da igreja, e dos 40 anos do Templo Central. Desde o início, irmãos se alojaram nas dependências do templo para não perder nenhum dia de estudo. Durante toda a semana, o clima era de satisfação e agradecimento por parte dos obreiros.

 

No sábado (21), mais de 52 mil pessoas participaram da festa de Abertura do Centenário da IEADPE, na Arena de Pernambuco. Um evento grandioso, com momentos emocionantes, tocantes e emblemáticos que lembrou o princípio desta obra, e ficou cravado na vida de milhares e na história desta igreja. O sinal da presença do Espírito de Deus foi evidenciado no meio do Seu povo. Muitos foram batizados com o Espírito Santo e renovados.

O culto de agradecimento teve início às 18h. Os mais de 10 mil irmãos e irmãs, além de pessoas visitantes, que participaram do último dia do evento, puderam adorar ao Senhor com alegria, enquanto eram entoados hinos de gratidão a Deus. Foi uma noite de regozijo, louvor e adoração a Deus, pelas maravilhas, milagres e experiências espirituais deste evento.

A igreja foi impactada pela Palavra da noite que teve como assunto o “Arrebatamento da Igreja”, ministrada pelo Pr. José Lopes de New Jersey (EUA). “Nos tempos de Paulo, a esperança daqueles crentes era tão grande, que eles esperavam Jesus a qualquer momento”, disse. “Hoje, a sua mente está limitada, mas quando vier o que é perfeito, você vai encontrar o seu pai, sua mãe, seu filho, vai ser uma festa. Nós, nos encontraremos!”, completou.

 

Todo esse fogo, toda essa pressão é porque Deus quer que você entre na cidade pelas portas. O pastor explicou também sobre o corpo como o qual os salvos que morreram em Cristo, ressuscitarão. “Nós recebemos um corpo glorioso à imagem de Cristo. Você tem essa imagem porque herdou dos seus pais, é genética, semente dos seus pais. Mas, quando ressuscitarmos o novo corpo terá a semente celestial”, explicou.

 

Ainda no culto de encerramento, o Pastor Presidente, Ailton José Alves, anunciou a consagração de presbíteros que cooperam no interior do Estado. O Pr Luiz Mário, primeiro secretário da Igreja, convidou à frente os novos presbíteros. O Pr. João Severino Fernandes, vice-presidente de honra da Convenção de Ministros da IEADPE (CONADEPE) ministrou a palavra de exortação e aconselhamento, com foco na ordem bíblica de que o presbítero deve ser irrepreensível.


Segundo o Pastor Presidente, a separação dos diáconos e a consagração dos presbíteros que cooperam no Recife e nos setores, assim como a consagração dos evangelistas e as mudanças de gestores nos setores e filiais do Estado serão anunciados na Santa Ceia do Senhor do mês de novembro, no Templo Central.

Em seguida, o Pastor Ailton agradeceu a Deus por tudo o que foi dispensado nesta EBO; aos pastores integrantes da Diretoria da Igreja e da Convenção; aos obreiros que participaram dos estudos e cultos de louvor a Deus.  Aos pastores que coordenam as diversas Áreas do Grande Recife, aos obreiros do Interior do Estado, aos órgãos, cantores e toda a Igreja.

 

Assim, em clima de saudades, chega ao fim o Jubileu de Diamante da Escola Bíblica de Obreiros. Até lá, no Centenário da Assembleia de Deus em Pernambuco, em outubro de 2018!

 

Arena de Pernambuco recebe assembleianos para abertura do Centenário

Hoje (21) a Asssembleia de Deus realiza o maior evento desde a sua fundação. Mas, ainda é um ensaio para o que deve acontecer ano vem, o ano no qual verdadeiramente se comemoram os 100 anos da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco (IEADPE).

Desde manhã as caravanas de toda parte do Estado de Pernambuco vinham chegando para o grande evento. Nenhuma cidade ficou de fora, mesmo que o destino ficasse longe da Arena de Pernambuco, os irmãos fizeram questão de vir. Assim aconteceu com a caravana da cidade de Petrolina. Os irmãos saíram de lá ontem por volta das 19h30 e hoje foram uma das primeiras caravanas a ocupar os assentos.

Durante a tarde não paravam de chegar irmãos. Por volta das 15h já haviam mais de 40 mil pessoas prontas para cultuar a Deus e celebrar o início das comemorações pelo Centenário.

 

O Pr. Vice-Presidente, Ailton Júnior, que estava desde a manhã na Arena ensaiava com a multidão: “Quem reina é Cristo. A Seu nome, Glória!”, num glorioso coro.

 

Os cantores começaram a louvar a Deus e o grande coral com mais de 2 mil vozes também se apresentaram. A noite o culto reúne toda esta multidão e você pode também assistir de casa. Nos acompanhe pela Rede Brasil, Youtube ou Facebook. Reúna a sua família e amigos. Não Perca!

“O Evangelho é poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê”.

Nesta sexta-feira o culto noturno começou às 19h. Após a oração, os hinos congregacionais: “Pelejar pó Jesus” (108), “Guerreiros de Cristo” (212) e o “Um Pendão Real” (46), foram entoados. Já apontado para o que o Espírito Santo desejava falar à Igreja.

Corais também louvaram a Jesus, tais como a União de Adolescentes Resplandecer (UNIDAR) e o Filadélfia, assim como cantores, entre eles a irmã Eliã Oliveira e o irmão Francisco, de Petrolina.

A palavra foi ministrada pelo Pastor Jairo Texeiras, da Assembleia de Deus em Alagoas. Com leitura feita em Romanos cap. 1. vrs 16 e 17 : “Não me envergonho do evangelho, porque é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê: primeiro do judeu, depois do grego. Porque no evangelho é revelada a justiça de Deus, uma justiça que do princípio ao fim é pela fé, como está escrito: ‘O justo viverá pela fé’”, ele lembrou das palavras do apostolo Paulo e da evangelização no período dos discípulos.

 

 

O pastor iniciou a Palavra lembrando à igreja os 500 anos da Reforma Protestante: “Parece algo do passado, mas não é. Pois nós continuamos protestando contra o pecado no mundo”, enfatizou. Além de explicar a alegria da Palavra de Deus começar a ser traduzida por Lutero para o alemão e assim voltar a se tornar acessível para as pessoas, apesar da perseguição.

 

“Salvação ainda é a maior mensagem do Evangelho, o homem ainda precisa de salvação”, essa foi o foco da Palavra: A mensagem de Cristo. A luta que devemos travar e anunciar a Salvação a todos. Pois como o ministro destacou: “Tudo mudou, mas o Evangelho de Jesus Cristo continua o mesmo, por isso, melhor do quê ser gospel é deixar que o Evangelho transforme você, pois ele tem poder para perdoar os pecados e te levar aos céus”, anunciou.

Mas não é possível finalizar o texto de hoje, que falou sobre marcos como expansão do Evangelho de Cristo na época dos Apóstolos e do aniversário de 500 anos Reforma Protestante, sem falar do culto de abertura do ano do Centenário da Assembleia de Deus em Pernambuco, e do sentimento da igreja que é de expectativa e ansiedade. A celebração irá acontecer amanhã, 21 de outubro, na Arena Pernambuco, e são esperadas mais de 60 mil pessoas. E a igreja em Pernambuco segue anunciando que o

 

Escatologia, Cristologia e Soteriologia no terceiro dia de estudos da EBO

Escatologia foi o primeiro tema abordado nesse terceiro dia de estudos do Jubileu de Diamante da Escola Bíblica de Obreiros, e foi palestrado pelo Pr. José Geraldo Lopes, da Assembleia de Deus nos Estados Unidos.

Pr. José Geraldo Lopes

Ele começou explicando o que é doutrina: “Doutrina é o conjunto de princípios que servem de base para um sistema”. Em seguida, ele afirmou que a doutrina escatológica é dividida em oito e dessas, citou quatro: Doutrina da morte e estado eterno (para onde vamos quando morremos?), doutrina dos juízos e julgamentos (juízo na grande tribulação, julgamento das nações, juízo do Diabo e seus anjos, juízo final), doutrina da ressurreição (com que corpo ressuscitaremos?) e doutrina da vinda de Jesus. “A doutrina da vinda de Jesus é a espinha dorsal do calendário escatológico, que são as 70 semanas de Daniel. O arrebatamento é o próximo evento do calendário”, afirmou.

Da esquerda para a direita, Pr. Simas Dias, Pr. Samuel Oliveira, e o Pr. Ailton José Alves

O segundo estudo ficou por conta do Pr. Juan Carlos Escobar, Pastor Presidente das Assembleias de Deus na Espanha. O tema trazido por ele foi: Cristologia.  Ele iniciou falando sobre a natureza de Cristo que sendo totalmente Deus, assumiu a forma de servo e também se tornou totalmente homem. O pastor explicou também sobre os títulos de Cristo: Senhor, salvador, filho do homem, filho de Deus, como também seus ofícios: Profeta, sacerdote.

Logo após, ele falou sobre os estado de Cristo: humilhação e glorificação, e comparando a obra que Deus fez através de Cristo com um diamante falou para a igreja: “Deus está preparando uma geração de ministros diamantes”.

À direita, o Pr. Juan Carlos Escobar. À esquerda, interpretando-o, o Ev. André Alencar

Ele também falou sobre pessoas que procuram mudança de caráter através de leituras de livros e disse: “A maior experiência para formar nosso caráter é a obra de Deus em nossas vidas”.

O Pr. Juan trouxe um prato cheio de carvão e colocou de um lado. Do outro lado, colocou o diamante que está representando o jubileu desta EBO. Ele explicou que os mesmos átomos que compõem o carvão, também compõem o diamante e concluiu: “Como Jesus foi provado e transformado. Ele é nosso referencial. O Senhor não vai permitir que sejamos envergonhados. O Senhor quer levantar sua fé para que seu ministério não seja superficial. Filho do homem! Serás como um diamante”.

O terceiro estudo do dia foi ensinado pelo Pr. Wagner Gaby, Pastor Presidente da Assembleia de Deus em Curitiba. Ele falou sobre Soteriologia (doutrina da salvação). O pastor ensinou sobre os estágios da obra de salvação: Eleição, justificação, regeneração, adoção e santificação. Ele também explicou o que é conversão, arrependimento e fé.

Pr. Wagner Tadeu Gaby

Após os estudos, foi dado um intervalo para o almoço, onde os irmãos retornarão às 13h30 para aprenderem mais da Palavra do Senhor nos estudos da tarde.

 

 

A lâmpada não pode se apagar

O culto deste segundo dia foi marcado pelos louvores e adoração a Deus. Antes mesmo do templo ser aberto vários jovens cantavam hinos enquanto esperavam. No início do culto a equipe de louvor cantou os hinos congregacionais.

 

O coral de Preletores, o Grande Coral e o Coral Jovem do Templo Central foram os órgãos que formaram nestes dois dias. Entoando hinos de louvor como”Quem pode separar-me do amor de Deus? Nem dor, ou tristeza, fome e pobreza”  e o hino Emanuel: ” Verbo vivo que a morte venceu, para sempre adorado é o Filho de Deus. Conosco Estás, em nós vem agir, Amado Messias, Te sinto aqui”.

A cantora Miriam Mical também recebeu oportunidade para louvar ao Senhor. E logo após, o jovem Guilherme Fideles, que entoou o hino Pai eu Confiarei. Durante esses momentos a igreja pôde sentir a presença do Espírito Santo, que já estava preparando cada ouvinte para a Palavra.

 

A Leitura oficial foi lida pelo Evangelista Fábio Benício, no texto base desta 36º edição do Congresso de Jovens que se encontra no capítulo 3 do livro de Daniel. Lembrando que o tema do congresso é: Jovens Comprometidos com Deus.

A Palavra foi ministrada pelo Ev. Walber Gustavo, que ensinou sobre a vida de Samuel, começando com a leitura em 1 Samuel, capítulo dois.  Ele explicou sobre a obra e propósito de Deus em um nascimento como o do primeiro filho de Ana. “Samuel veio ao mundo não somente porque Ana quis, mas porque Deus quis. Cada jovem que está aqui nasceu porque Deus quis e Ele tem um propósito em cada vida”, frisou.

 

Além disso, a igreja recebeu a explicação do contexto histórico em que vivia aquele jovem: “Samuel ministrava em uma geração cheia de apetites e limites descontrolados, ele vivia na geração de Ofini e Finéias, jovens escandalosos”, além disso ele destacou que não devemos ser pedra de tropeço, como os dois filhos de Eli foram, induzindo os israelitas a terem o mesmo comportamento pecaminoso que eles tinham.

 

Outro ponto destacado durante a Palavra foi o princípio espiritual estabelecido no quarto mandamento: “Honra teu pai e tua mãe”, o evangelista explicou que esse mandamento era tão sério que os filhos que agredissem seus pais, na época do Antigo Testamento, eram punidos com a morte. Eles não podiam desonrar seus pais, mas Ofini e Finéias desonraram a Eli, e Deus pesou isso na balança, ratificou o obreiro, além de destacar que “Um filho que se levanta contra os pais jamais prosperará”, explicou.

Mas já próximo a conclusão ele falou do papel de Samuel e do nosso como  cristãos: “‘Antes que a Lâmpada se apagasse Deus chamou Samuel. Nós somos uma lâmpada de Deus e elas devem arder continuamente. Samuel ministrava e servia continuamente ao Senhor, ele fez disso a razão da sua vida. Ele era uma lâmpada de Deus para a sua geração”, com fervor ensinou o pregador.

“O Senhor está enchendo a lamparina de vocês, e para ser cheio do Espírito Santo é preciso ser cheio de Deus, receba o azeite que está sendo derramado aqui esta noite”. Com essa mensagem ele também introduziu uma experiência pessoal, do chamado de Deus para servir. E ao finalizar o seu testemunho, ele aplicou na vida de alguns dos presentes: “O Senhor está dizendo aqui que vai chegar o dia de chamar alguns jovens aqui para se dedicarem em tempo integral ao Senhor. Enquanto isso estude, faça faculdade, mestrado, doutorado, mas não se apegue muito, pois vai chegar o dia que vocês terá que deixar tudo isso para trás e assim como Samuel dizer’ Eis-me aqui, o servo do Senhor'”. E finalizou alertando: ” Não apague o pavio que fumega, receba fogo do alto”, concluiu.