Centenário, o dia esperado chegou

A expectativa em torno do Centenário da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco(IEADPE), tem sido muito grande. Vários irmãos estão se preparando desde antes da abertura do ano centenário, realizada ano passado, também na Arena de Pernambuco, em outubro de 2017.

     As pessoas começaram a chegar, aos poucos, desde a manhã. Caravanas vindas de várias cidades doEstado estão marcando presença.

    Mas, antes mesmo que a Arena começasse a encher, o Grande Coral do Centenário já estava presente. Este ano são mais de 2100 vozes e 200 músicos, apesar deste ter a mesma quantidade de corais, 24, em comparação a abertura, a quantidade de coristas aumentou em mais de 500 componentes.

       Segundo o maestro Genilson, coordenador do Coral do Centenário, a escolha dos corais não foi baseada apenas na qualidade vocal, três critérios foram levados em consideração: técnico, logístico e representativo. A intenção é de que, além da boa qualidade musical, corais de diferentes congregações de Região Metropolitana do Recife, e algumas filiais no interior participassem, também levando em consideração a viabilidade de deslocamento.

     Uma das coristas, é a irmã Ivanilda, a regente mais antiga, ainda atuante, da IEADPE. Há 49 anos ela tem servido a Deus, como maestrina de corais. Atualmente Ivanilda coopera na Congregação em Timbi e relatou a imensa alegria de participar deste momento, se sentindo honrada por fazer parte dessa história, servir ao Senhor, e ainda poder ser uma das 2100 vozes que irão cantar hoje.

    O Culto Introdutório começou às 13h50, após a saudação e oração realizada pelo Vice Presidente da IEADPE, o Pr. Ailton Júnior. Além da equipe de louvor, vários cantores participaram deste momento.

      Ev. Lourival esteve dirigindo este primeiro momento. Às 15h, o recorde de participantes na Arena Pernambuco já havia sido ultrapassado, tendo 53 mil pessoas no local, maior público presente no Estádio.

Caruaru recebe última celebração do Centenário da IEADPE no interior do Estado

 Mais de 260 pessoas entregaram suas vidas para Jesus reconhecendo-O como Senhor e Salvador

O Pátio de Eventos Luiz Gonzaga, em Caruaru, Agreste pernambucano, foi o lugar escolhido para receber a última celebração do Centenário da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco (IEADPE), antes do dia 20 de outubro, quando acontece, na Arena Pernambuco, a festa dos 100 anos da Igreja.

O local ficou pequeno, para a multidão que esteve presente, aproximadamente 52 mil pessoas, segundo dados da Polícia Militar de Pernambuco. Entre elas, as caravanas vindas das cidades do Agreste, diversos pastores das outras regiões, coordenadores de áreas, autoridades locais e os pastores membros da Diretoria Igreja e da Convenção de Ministros da Assembleia de Deus em Pernambuco (Conadepe).

Ao início da tarde, as primeiras, das 20 mil cadeiras organizadas no local, já eram sendo ocupadas e, às 16h, o Culto Introdutório foi iniciado com a participação de grupos e cantores convidados. O Pastor Presidente, Ailton José Alves, foi quem, pontualmente às 19h, fez a oração que abriu o Culto Oficial, e logo em seguida, os hinos congregacionais foram entoados por todos os presentes, que acompanhavam o Pr. Luiz Mário, Secretário da Igreja.

 

O Hino Oficial foi entoado, em um momento marcante do evento. Ao solo da Ir. Eliã Oliveira, todos cataram em uníssono os cem anos de vitória da Assembleia de Deus em Pernambuco e dois painés humanos formando o nome “Jesus” e o símbolo dos cem anos da IEADPE, além de um Grande Coral de 1.500 irmãs, montavam um lindo quadro.

A ministração da Palavra foi feita pelo Ev. Elisjanai Carlos, que leu no Evangelho de João, capítulo 1 e os versículo 1 e 14. Como em todas as celebrações, o tema central da mensagem foi Jesus. Apresentando quem era o Verbo que se fez carne, as Suas obras e citando os 35 milagres que as Escrituras relatam que Ele operou, o pregador anunciou que Jesus é o Filho de Deus, que veio salvar a humanidade.

Após a explanação da Palavra, 269 pessoas aceitaram a Jesus como Senhor e Salvador de suas vidas, como fruto da intercessão e clamor da Igreja.

A cobertura completa do evento foi feita pela Rede Brasil de Comunicação, através de suas plataformas de TV, Rádio e Internet.

Em Caruaru, a IEADPE finaliza a série de cruzadas evangelísticas realizadas em 07 cidades de Pernambuco: Petrolina, Goiana, Garanhuns,Ouricuri, Palmares, Custódia e Caruaru. Um ano de celebração, com mais de mil conversões e que terá seu encerramento em outubro, mês em que a IEADPE completa seus 100 anos de existência.

Penúltima celebração do Centenário reúne centenas no Sertão pernambucano

Como os outros cinco eventos realizados, esta edição também recebeu irmãos de toda parte do Estado

            

A cidade de Custódia foi a escolhida para receber a penúltima celebração do centenário da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Pernambuco (IEADPE).  Já no início da tarde, no Parque de Exposição de Animais da cidade, local onde aconteceu o evento, as primeiras cadeiras começaram a ser ocupadas pelos irmãos  da cidade e de caravanas vindas de todas as partes do Estado.

O Culto Introdutório começou às 17h, com a participação de grupos locais e cantores convidados, e antes das 18h, o Culto Oficial foi iniciado com uma oração feita pelo Pastor Presidente, Aílton José Alves.

Logo em seguida, os hinos da Harpa Cristã foram entoados e após o momento de louvor congregacional, o vídeo contado um pouco da história do centenário da IEADPE com o depoimento da Ir. Ruth Carlson, filha dos missionários Joel e Signe Carlson, pioneiros desta obra, foi exibido. Após esta apresentação, como tradicionalmente acontece, a cantora Eliã Oliveira cantou com todos os presentes o Hino Oficial do Centenário: “Cem anos de História, cem anos de vitória, Assembleia de Deus em Pernambuco comemora. Cem anos de História, cem anos de vitória, Assembleia de Deus, eu faço parte desta História”.

O Pr. Simas Dias, Primeiro Secretário da Convenção de Ministros das Assembleias de Deus (Conadepe), e responsável pela filial na cidade de Carpina, para fazer a Leitura Oficial, feita no Livro de Mateus cap. 16, vrs. 13 ao 16: “E, chegando Jesus às partes de Cesaréia de Filipe, interrogou os seus discípulos, dizendo: Quem dizem os homens ser o Filho do homem? E eles disseram: Uns, João o Batista; outros, Elias; e outros, Jeremias, ou um dos profetas. Disse-lhes ele: E vós, quem dizeis que eu sou? E Simão Pedro, respondendo, disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo. E Jesus, respondendo, disse-lhe: Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque to não revelou a carne e o sangue, mas meu Pai, que está nos céus. Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela”.

O Pastor Vice-Presidente, Ailton Junior, apresentou os visitantes: os pastores da diretoria da Igreja e ministros de cidades vizinhas ao município de Custódia e suas respectivas caravanas, diversos coordenadores e irmãos das Áreas da Região Metropolitana do Recife.

O preletor da noite foi o Ev. Fábio Benício, que leu no Evangelho de Mateus 11. 28 ao 30. O ministro falou sobre o convite especial de Jesus, que diferente de qualquer outro, traz uma mudança real de vida através do Seu amor, para aos que aceitarem o seu convite.  “Jesus tem amor sincero e verdadeiro para dar aos seus convidados”, disse. O pregador também contou alguns testemunhos de cura, evidenciando que Jesus também oferece cura para os que lhe buscam.

O convite veio após a explanação da poderosa Palavra de Deus e 80 pessoas aceitaram a Jesus como Senhor e Salvador de suas vidas, aceitando ao convite especial de Cristo.

A Rede Brasil fez a cobertura de todo o evento pela Rádio AM e FM, TV e Internet, com uma programação especial com entrevistas e a transmissão ao vivo do culto.

A última celebração será no próximo sábado, 11, na cidade de Caruaru.